Minha alimentação pós Páscoa

A Páscoa acabou, eu vi que o coelhinho passou pela casa de um monte de gente por ai.

Você enfiou o na dieta?

Porque eu enfiei!

Para falar a verdade, a culpa nem foi do coelho. Fui madrinha de um casamento maravilhoso no Rio de Janeiro e só tinha comida gostosa. Como não sou boba nem nada, experimentei um pouquinho de cada coisa.

Já falei algumas vezes aqui no blog sobre a minha alimentação. Em meu último post sobre o assunto apresentei para vocês a dieta que estava seguindo, a low carb.

De lá para cá seis meses se passaram, e continuo com o mesmo foco. A maior parte das minhas refeições são de baixo carboidrato e isso virou meu estilo de vida.

Por que eu digo a maior parte das refeições?

Porque não deixo de aproveitar momentos em família ou com o meu marido e como carboidratos em momentos especiais.

Isso prejudica a dieta?

Creio que sim, meu peso estaciona muitas vezes. Mas, mesmo assim, estou feliz com o meu corpo, então não preciso me privar tanto das coisas gostosas da vida.

O que eu como?

Muito se fala sobre dietas restritivas, mas o importante é lembrar que a que eu sigo é a LowCarb, ou seja, pouco carboidrato e não “NeverCarb”.

Meu foco está nas comidas de verdade como as carnes, os legumes, queijos, frutas e castanhas. Acho que esse é o segredo do sucesso dela.

E da pra fazer pratos bonitos.

Café da manhã

Nos cafés da manhã prefiro comer ovos e tomar café, mas também faço panquecas de banana, pães lowcarb, muffins de uva passa.

Deu até fome, só de pensar!

Lanches

Quando sinto fome entre a refeições principais opto por frutas ou castanhas.

Cortei do dia a dia as bolachinhas, mesmo integrais, de cereais, de grãos, elas são um veneno!

A maioria delas possui farinha branca em sua composição e eu prefiro evitar.

Refeições principais

Estas são as melhores!

Combino uma saladinha com proteína, legumes e criatividade. O resultado é quase sempre um prato bonito, saboroso e cheio de comida de verdade!

 

 

Nutricionista

Eu não entrei nessa dieta sem recomendação, a orientação de um nutricionista é fundamental

É esse profissional que vai te “ensinar” a comer, orientar e até mesmo motivar a seguir a dieta.

A minha nutri é a Nathália Del’Arco, um amor, e eu super recomendo. A atenção dela sempre foi determinante para que eu atingisse os meus objetivos.

Você pode entrar em contato com ela pela página dela do Facebook e marcar uma consulta.

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram @puoliveira